Escolas da Serra recebem materiais esportivos

A Caravana deixa na Serra cerca de 200 bolas, 100 livros, 50 raquetes, várias bambolês e muito mais
Escolas da Serra recebem materiais esportivos
TEXTO: Jéssica Romanha   FOTO: Larissa Gouveia

A Caravana do Esporte e das Artes segue caminho, mas, deixa na Serra diversos materiais esportivos, além de conhecimento, experiência e boas lembranças.

Durante quatro dias de evento, a cidade se transformou em um grande polo de formação em esporte e artes para crianças, adolescentes e professores. E ainda proporcionou para a comunidade shows de artistas como o sanfoneiro Mestrinho, Renata Jambeiro e Luciana Oliveira, além de cinema, sarau e palestras.

“Com certeza, tudo o que está acontecendo nessa grande programação será lembrado para sempre por nossas crianças. A música e o esporte são muito importantes para o crescimento dessa geração”, disse o Prefeito da Serra, Audifax Barcelos.

A vice-prefeita e secretária municipal de Educação da Serra, Márcia Lamas, frisou que projetos como esses são 100% apoiados pela Prefeitura da Serra, que se dedica para propagar valores humanos e uma educação de qualidade e inclusiva.

“Apoiamos projetos como esses que incentivam a compreensão e o reconhecimento do esporte, da educação e da identidade cultural local. A Caravana do Esporte e das Artes deixa um legado”, disse Márcia.  

A secretária de Educação também ressaltou que a Caravana não só deixa bens materiais na cidade, mas, também, muito aprendizado e professores mais capacitados. “Nossas crianças e adolescentes tiveram a oportunidade de brincar e aprender com feras do esporte, como as medalhistas olímpicas Ana Moser e Helen Luz. Isso tudo é maravilhoso e vai impactar no dia a dia de nossas escolas”, completou Márcia.

“A Caravana deixa na Serra cerca de 200 bolas, 100 livros, 50 raquetes, várias bambolês e muitas outras coisas. Mas, muito além disso, deixamos a semente em cada criança sobre o seu direito de ter arte e esporte dentro da escola, e, principalmente, formamos professores que poderão replicar tudo o que foi ensinado para seus alunos”, disse a coordenadora de produção das Caravanas, Viviam Mesquita.