Novo prédio do IPS vai reduzir consumo de energia em 80%

Além disso, o projeto arquitetônico revela que o novo prédio será 100% acessível

Novo prédio do IPS vai reduzir consumo de energia em 80%


Texto: Rafael Ferraz - Foto: Rafael Ferraz

Placas fotovoltaicas vão ser instaladas na sede do Instituto de Previdência dos Servidores da Serra (IPS) que será construída. A informação foi divulgada pelo diretor-presidente do IPS, Evilásio de Angelo, que afirmou que a conta de energia será reduzida em 80% por causa dessa instalação.

A energia obtida através das placas fotovoltaicas (energia solar) converte a luz e o calor do sol em eletricidade, sendo considerada uma fonte de energia renovável e sustentável. “Vamos construir um prédio moderno que permite um funcionamento mais ecológico”, disse Evilásio.

Além disso, o projeto arquitetônico revela que o novo prédio será 100% acessível. Elevadores, rampas, banheiros, placas, entre muitos outros, vão permitir que qualquer cidadão tenha acesso à nova sede do instituto.

Evilásio contou que até o início do próximo mês o IPS vai divulgar a licitação para a definição da empresa que vai construir o prédio. O novo prédio será construído no mesmo local onde já funcionava. “Estamos ansiosos e otimistas para essa nova fase do IPS”, disse.

No prédio onde o órgão funcionava há mais de 30 anos foram constatadas condições comprometidas, segundo vistoria feita por uma empresa especializada. No momento, o IPS está atendendo na sede provisória, que fica no prédio anexo à Prefeitura da Serra, onde funcionava a Defensoria Pública do Estado.